Com duas semanas sem sol, você já pode fazer depilação a laser

Basta ficar duas semanas sem tomar sol e você já poderá fazer depilação a laser. Sem ter esse cuidado, a Clínica Paula Bellotti não realiza esse procedimento. A depilação a laser é contraindicada para a pele bronzeada porque pode provocar queimaduras. Esse risco não ocorre com quem tem pele morena ou negra.

A pele bronzeada é diferente da pele negra. Na pele bronzeada, o melanócito (uma célula complexa encontrada na epiderme) está ativado pelo sol. Isso aumenta a produção de  melanina, substância responsável pela coloração da pele.

O negro tem mais melanina, naturalmente. Então, utilizando os parâmetros corretos para a pele negra, podemos fazer depilação sem problemas.

Já na pele bronzeada isso é muito perigoso. Como o bronzeamento escurece a pele, o laser pode confundir a pele bronzeada com as pigmentações e provocar queimaduras.

LIGHTSHEER DUET, UM DOS MELHORES LASERS DE DEPILAÇÃO DO MUNDO

O LightSheer Duet é a técnica mais indicada para a depilação. Seu handpiece – parte do laser que entra em contato com o corpo – é bem maior do que o handpiece do LightSheer tradicional. Além disso, o novo LightSheer vem com duas ponteiras, que aproximam a pele do laser. Graças a estas inovações, o tempo de aplicação se reduz em até 75%.

Como funciona

O LightSheer Duet emite um feixe de luz que passa através da pele até ao folículo piloso, onde é absorvido. A luz então se transforma em calor e destrói as células responsáveis pelo nascimento e crescimento dos pelos.

O processo é seguro, sem danificar a pele e os tecidos ao seu redor. Existem, como dissemos, alguns cuidados. Antes de fazer a depilação a laser, a pessoa deve ficar 2 semanas sem tomar sol. .

O aparelho pode se aplicado em qualquer região do corpo. O tempo de aplicação depende do tamanho da região a ser tratada. A depilação de axilas, por exemplo, é feita em sessões que duram de 10 a 15 minutos.

São necessárias pelo menos 6 sessões para a realização do tratamento, que depende, é claro, de criteriosa avaliação do dermatologista.

Voltar