Outono: época de tratar e regenerar a pele

O outono chegou e é a estação ideal para se cuidar da pele, recuperando os danos do verão. Por mais que se tenha protegido e hidratado a pele nos últimos meses, o saldo são sempre algumas manchas e sardas a mais, ressecamento, falta de viço, rugas e linhas mais acentuadas, entre outras queixas.

É chegado o momento, portanto, de se recorrer aos lasers e terapias combinadas em consultório a fim de regenerar a pele fotoenvelhecida de dentro para fora, devolvendo-lhe a firmeza, o viço, clareando manchas, suavizando cicatrizes de acne e reduzindo as marcas de expressão.

Para cada tipo de pele ou dano causado, e de acordo com o histórico do paciente, existe uma conduta a ser adotada.

pele-no-outono

Os lasers fracionados ablativos e não ablativos, por exemplo, são excelentes para tratar o fotoenvelhecimento leve a moderado (manchas, rugas e linhas finas), cicatrizes de acne e estrias. Já os sistemas de radiofrequência monopolar são ótimos para recuperar a firmeza e redefinir o contorno corporal ou facial. O laser de CO2 fracionado, por sua vez, trata um fotoenvelhecimento mais severo e rugas mais profundas.

Enfim, são inúmeras as opções, indicações e possibilidades de tratamento. E a boa notícia é que nenhuma delas tira o paciente da sua rotina ou gera grandes desconfortos.

Cada vez mais, a tecnologia caminha nesse sentido: mais eficácia, ausência de riscos ou contraindicações e resultados visíveis em poucas sessões, sem mudar a rotina do paciente.

Procure o seu dermatologista e descubra qual a melhor opção para você.

Cuide bem da saúde da sua pele!

Voltar